Tipos de Carbonatação

Há dois tipos de carbonatação (colocar gás) na cerveja: com priming ou forçada.

O priming nada mais é que adição de mais açúcar à cerveja na hora de engarrafá-la. O fermento presente no líquido irá consumir este açúcar e transformá-lo em álcool e gás carbônico, como estará fechado na garrafa o gás se incorpora à cerveja.

Post mix é um barril de armazenamento de cerveja.

Deve-se calcular a quantidade de açúcar usada pois o exagero pode levar à fabricação de verdadeiras granadas, pois a garrafa não irá suportar a pressão do gás e explodirá. O adequado é trabalhar com 6 a 8 gramas de açúcar por litro de cerveja.

Outra forma de carbonatação é a forçada, que é a inserção de gás diretamente num recipiente onde o líquido já está. Pode ser feita em keg (barril de chopp tradicional que vemos em bares) ou em post mix (cilindro metálico antes usado para armazenar refrigerantes servidos em máquinas).

Keg é o nome de um barril de chopp tradicional.

 

Esse post foi publicado em Equipamentos, Processos de Produção e Variados e marcado , , , , . Guardar link permanente.