Nona Leva – A Receita da Cameriere Belgian S Ale

Tentarei uma Belgian Specialty Ale com uma receita que não me lembro onde achei (ou no livro Clone Brews ou no site do Beer Smith) e fiz algumas adaptações.

Cor e características previstas pelo Beer Smith.

Será uma cerveja de alta fermentação com malte base pilsen e pale ale.

A receita que farei é a seguinte:

– 2,2kg de malte Pale Ale

– 1,8kg de malte Pilsen

– 0,23kg de malte Cara 40

– 0,17kg de malte Cara 20

– 0,2kg de malte Black Patente

– 0,68kg de mel –> na receita original que peguei era Candi Sugar (15 minutos)

– 20g de lúpulo East Kent Goldings (90 minutos)

– 20g de lúpulo Hallertauer Hersbrucker (90 minutos)

– 20g de lúpulo Cascade (15 minutos) –> na receita original que peguei era Styrian Goldings

– 12g de lúpulo East Kent Goldings (3 minutos)

– 10g de lúpulo East Kent Goldings (final da fervura)

–  1 pacote de S-33

– aquecer a água a 45ºC, colocar o malte e esperar decantar por 10 minutos

– subir pra 50ºC e manter por 30 minutos

– subir pra 60ºC e manter por 30 minutos

– subir para 70ºC e manter por 30 minutos

– subir para 78ºC e manter por 10 minutos (mash-out)

– fervura intensa por 1h30, adicionando o lúpulo conforme descrito acima

– adicionar whirfloc a 15 minutos do final da fervura

– fazer o whirpool e aguardar 20 minutos

– fazer o resfriamento do mosto até 30ºC e inocular o fermento

Esse post foi publicado em 9 - Nona Leva: Cameriere Belgian S Ale, Minhas Cervejas, Receitas Cameriere e marcado , , , , , . Guardar link permanente.